1575

Prefeitura Municipal de Cairu

Pular para o conteúdo

RECOMENDAÇÕES PARA PREVENÇÃO DO NOVO CORONAVÍRUS EM HOTÉIS E CONGÊNERES

Fonte: Secretaria Municipal da Saúde
13/03/2020 às 17h20

Noticia

Galeria com imagens e vídeos sobre a matéria


SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE

RECOMENDAÇÕES PARA PREVENÇÃO DO NOVO CORONAVÍRUS EM HOTÉIS E CONGÊNERES

O QUE SÃO CORONAVÍRUS?

Os Coronavírus (COVID-19) são uma grande família viral, conhecidos desde os anos 1960, que causam infecções respiratórias em seres humanos e em animais. Geralmente, infecções por Coronavírus causam doenças respiratórias leves a moderadas, semelhantes a um resfriado comum. Alguns Coronavírus podem causar doenças respiratórias graves. Em janeiro de 2020, a Organização Mundial da Saúde(OMS) foi notificada sobre uma doença transmitida pelo Novo Coronavírus (COVID-19) na China, atingindo um número significativo de pessoas, causando desde leves infecções respiratórias até casos mais graves. No dia 11 de março de 2020, a OMS declarou pandemia de Coronavírus, que até o momento já chegou a 110 países e a todos os continentes, exceto a Antártida, e infectou mais de 113,7 mil pessoas, levando cerca de aproximadamente 5 mil delas à mortes. Atualmente 36 países são monitorados pelo Ministério da Saúde por apresentarem transmissão ativa do Coronavírus. Com isso, os critérios para a definição de caso suspeito enquadram agora, as pessoas que apresentarem febre e mais um sintoma gripal, como tosse ou falta de ar e tiveram passagem pela Alemanha, Argélia, Austrália, Bélgica, Bielorrússia, Bósnia e Herzegovina, Canadá, Coreia do Norte, Coreia do Sul, Croácia, Dinamarca, Emirados Árabes Unidos, Equador, Espanha, Estados Unidos, Finlândia, França, Grécia, Holanda, Indonésia, Irã, Israel, Itália, Japão, Líbano, Malásia, Noruega, Reino Unido, Romênia, San Marino, Singapura, Suécia, Suíça, Tailândia, Vietnã, além da China, nos últimos 14 dias.

COMO OCORRE A TRANSMISSÃO?

Em humanos a transmissão ocorre de pessoa-a-pessoa, ou seja, o Coronavírus pode ser transmitido principalmente pelas gotículas respiratórias, por tosses e espirros, assim como pelo contato com as mãos contaminadas com secreções respiratórias que contenham vírus. Para mais informações sobre o Coronavírus, consulte o link disponibilizado pela Secretaria da Saúde do Estado da Bahia: www.saude.ba.gov.ba.br/coronavirus.

QUAIS AÇÕES DEVEMOS ADOTAR NESTE MOMENTO DE ALERTA GLOBAL?

Neste momento de alerta global, a melhor estratégia para lidar com este assunto e contribuir para sua prevenção é compartilhar informações confiáveis e de qualidade com toda a população. Além disso, é fundamental que medidas básicas de prevenção sejam adotadas por todos, inclusive profissionais e usuários do setor hoteleiro, promovendo assim um ambiente saudável, promotor de saúde para atuar neste período.

QUAIS SÃO AS PRINCIPAIS MEDIDAS PREVENTIVAS PARA HOTÉIS E CONGÊNERES?

✓ Manter os ambientes ventilados.

✓ Orientar a todos os funcionários para a fricção das mãos com álcool 70 % gel e lavagem das mãos com freqüência, usando água e sabonete líquido, principalmente depois de tossir ou espirrar, ir ao banheiro e antes das refeições.

✓ Orientar e incentivar todos os clientes e funcionários para o uso da etiqueta respiratória:

• Utilizar lenço descartável para higiene nasal

• Cobrir o nariz e a boca com lenços/papéis descartáveis quando tossir ou espirrar

• O lenço utilizado deve ser descartado

• Caso não haja lenço ou toalha de papel disponível, ao espirrar ou tossir é preferível cobrir o nariz e a boca com a manga da camisa “espirrar no cotovelo” do que fazê-lo com as mãos, por meio das quais os vírus são facilmente transferidos para outras pessoas ou para o ambiente (telefone, maçanetas, computadores, etc.).

✓ Intensificar a higienização dos ambientes de uso comum, incluindo maçanetas, torneiras, porta papel toalha, computadores, botões de elevadores, corrimão e objetos de uso coletivo. ✓ Manter limpos os componentes do sistema de climatização (bandejas, serpentinas, umidificadores, ventiladores e dutos) de forma a evitar a difusão ou multiplicação de agentes nocivos à saúde humana e manter a qualidade interna do ar.

✓ O estabelecimento deverá possuir o Plano de Manutenção Operação e Controle (PMOC) atualizado (quando possuir condicionadores de ar com capacidade acima de 60.000 BTUs), com o respectivo responsável técnico bem como procedimentos e rotinas de manutenção atualizadas e comprovantes de sua execução.

✓ Se houver bebedouros: não colocar os lábios no bico ejetor de água; realizar desinfecção do equipamento com álcool 70% frequentemente; preferencialmente disponibilizar copos descartáveis junto ao bebedouro. Caso os funcionários tragam de casa para uso individual copo plástico/garrafa não descartável, recomenda-se a disponibilização de pia para higienização dos mesmos; quando existirem dois bicos ejetores de água no bebedouro, recomenda-se inviabilizar o uso do bico ejetor pequeno, deixando em uso apenas o grande curvo e orientações de uso fixadas na parede, na frente do bebedouro.

✓ Nas salas de uso coletivo / restaurantes / salão de café da manhã : disponibilizar álcool 70% gel na entrada destes setores e orientar para a sua utilização.

✓ Realizar a desinfecção das mesas e cadeiras, friccionando com pano seco e limpo embebido com álcool 70% por 20 segundos, ao final do período e/ou a cada troca de evento.

✓ Intensificar a limpeza das áreas/superfícies com água e sabão ou produto próprio para limpeza.

Essas medidas preventivas são muito importantes para reduzir a transmissão do Coronavírus, assim como outros microorganismos de transmissão respiratória ou por contato.

A fim de ampliar as medidas de prevenção contra infecções virais como Coronavírus, H1N1, H3N2 e Influenza B, as autoridades sanitárias municipais e estadual vem sensibilizando a sociedade sobre a importância da higiene regular das mãos e ratificar a necessidade de cumprimento da Legislação Estadual nº 13.706/2017, que determina a disponibilização de dispensadores de álcool gel por parte de estabelecimentos comerciais que prestam serviços diretamente à população.

Funcionários ou clientes suspeitos de Coronavírus (febre, tosse e/ou sintomas respiratórios) devem procurar atendimento médico, passar por consulta médica para avaliação, definição de diagnóstico provável e encaminhamentos das medidas necessários.

Outras medidas poderão ser acrescentadas pela Secretaria Municipal da Saúde, dependendo da evolução do alerta global!

Cairu, 13 de março de 2020.