1575

Prefeitura Municipal de Cairu

Pular para o conteúdo

Cairu é um dos quatro municípios no Brasil a fazer parte do Programa de Promoção do Turismo Sustentável

13/04/2021 às 15h08

Noticia

Galeria com imagens e vídeos sobre a matéria


Nos dias 14 a 16 de abril, município receberá representantes dos ministérios da Economia e do Turismo

Com o propósito de criar um projeto que busca desenvolver o turismo sustentável nos imóveis e áreas da União espalhados pelo país estarão de 14 a 16 de abril no município de Cairu representantes dos Ministérios do Turismo e da Economia. Cairu, com seus encantos, a exemplo de Morro de São Paulo, Boipeba e Moreré é um dos quatro municípios escolhidos no Brasil a fazer parte do Programa de Promoção do Turismo Sustentável, ao lado de Florianópolis (SC), Angra dos Reis (RJ) e Maragogi (AL).

Recepcionados pelo prefeito do município, Hildécio Meireles, estarão no destino o Secretário Especial de Desestatização, Desinvestimento e Mercados do Ministério da Economia – SEDDM/ME, Diogo Mac, o Secretário de Coordenação e Governança do Patrimônio da União do Ministério da Economia – SPU-SEDDM/ME, Mauro Filho, a Diretora de Relações com Investidores da Secretaria Especial de Desestatização, Desinvestimento e Mercados do Ministério da Economia – SEDDM/ME, Marília Garcez e o Superintendente do Patrimônio da União da Bahia – SPU/BA, Antônio Eduardo Abreu, pelo Ministério da Economia.

O Ministério do Turismo enviará o Diretor de Atração de Investimentos da Secretaria Nacional de Atração de Investimentos, Parcerias e Concessões do Ministério do Turismo – Mtur, João Daniel Ruettimann e a Coordenadora-Geral de Aproveitamento Turístico de Ativos de Domínio Público da Secretaria Nacional de Atração de Investimentos, Parcerias e Concessões do Ministério do Turismo – Mtur, Clarissa Xavier.

A equipe vai visitar áreas para iniciar um projeto-piloto, que busca desenvolver um modelo de gestão dos eventuais serviços ofertados de maneira ordenada e descentralizada em áreas inalienáveis da União, em parceria com a iniciativa privada, e identificar imóveis com potencial turístico em desuso para concessão ou venda.